Datena acusa ligação entre Ibope e J&F e pede investigação contra instituto: "Podem me dar zero ponto, não ligo"



Apresentador do Brasil Urgente, da Band, José Luiz Datena esbravejou contra o Ibope mais uma vez, na edição desta terça-feira (4), mas de uma forma um pouco diferente do que o habitual. ]

O âncora sugeriu uma investigação contra o Instituto, que mede a audiência da TV, mas que prove a ligação dele com a J&F, holding dona do frigorífico JBS, que está envolvida desde abril em um grande esquema de corrupção, com os seus donos Wesley e Joesley Batista fazendo delação premiada.



Datena fez as críticas baseadas em fala de delatores do caso, entre eles o diretor de Relações Institucionais da J&F, Ricardo Saud. Em maio, Ricardo entregou ao Ministério Público Federal, contratos e notas fiscais que teriam sido utilizados para dissimular propinas à cúpula do PMDB.

Entre estes documentos estão algumas notas que, segundo o delator, são 'frios' e 'fictícios', emitidas pela JBS ao Ibope. "Fazia pesquisa pra eles [senadores] e pagava com essa propina. O Ibope recebia propina. Nunca fez um serviço para nós", disse o delator à época. As notícias voltaram à tona nesta terça (4), com atualizações sobre as delações.

Revoltado, Datena esbravejou e pediu uma investigação em cima do instituto: "Ninguém nunca mais falou nada do Ibope, hein? Devia investigar esse Ibope. Todo mundo aqui lembra que ela foi citada na delação da J&F recebendo propina".

Depois, ele esbravejou contra Carlos Augusto Montenegro, antigo dono do Instituto, que ainda tem influência nele: "Você pode me dar 0,5 ponto hoje, Montenegro. Eu vou falar mesmo. Por que nunca mais ninguém falou nada do Ibope, hein? Por que?".

Na época das acusações, o Ibope reagiu com veemência à denúncia do executivo da JBS sobre emissão de notas fiscais frias, disse que jamais recebeu qualquer tipo de propina e nunca emitiu notas fiscais dessa espécie.

"É com indignação que o IBOPE Inteligência tomou conhecimento da acusação de que emitiu notas fiscais falsas para a JBS como parte de pagamento de propina sem contrapartida de bens ou serviços. O IBOPE Inteligência nunca emitiu notas fiscais falsas, nem recebeu qualquer tipo de propina das empresas do grupo JBS ou de qualquer outra empresa", disse em comunicado, à época.

Atualmente, Datena é uma das maiores audiências da Band, marcando médias de 5 pontos de Ibope na Grande São Paulo. Quase sempre, o apresentador ataca o instituto, no qual diz não acreditar nos números que tem, achando-os baixos demais.


Deixe sua opinião



Leia também