Furo em O Outro Lado do Paraíso: Homem, Desirée foi a ginecologista e usou truque para voltar a ser virgem


Duas cenas de O Outro Lado do Paraíso, no ar em 20 de janeiro, depõem contra a nova investida do autor Walcyr Carrasco para a personagem Desirée (Priscila Assum), prostituta do bordel de Leandra (Mayana Neiva), que vai subir ao altar com o lapidador Juvenal (Anderson di Rizzi). De acordo com informações divulgadas por jornalistas com Flávio Ricco (UOL) e Patrícia Kogut (O Globo), na noite que antecede o casamento, Desirée, aconselhada por Leandra e Caetana (Laura Cardoso), fará um strip-tease para Juvenal. Este então descobrirá que a noiva, na verdade, é um homem.



Acontece que, quase dois meses atrás, Desirée foi ao consultório da ginecologista Tônia (Patrícia Elizardo) em busca de um método para voltar a ser virgem, mantendo a "pureza" na qual Juvenal acreditava e evitando que ele descobrisse tudo a respeito de seu trabalho no bordel. Após se animar com a possibilidade de uma cirurgia, a prostituta tomou um balde d'água fria, em razão do custo da operação e da posição contrária da médica ao procedimento. Tônia ainda a aconselhou a conversar com o noivo.



No mesmo capítulo, Desirée relatou seu drama às colegas de bordel, incluindo Leandra e Caetana. E foi justamente esta - que agora a aconselha a revelar que é homem - quem deu a receita para "voltar a ser virgem": um remédio, utilizado desde os seus tempos de mocidade, que lhe garantiria virgindade "umas três ou quatro vezes". Nas cenas previstas para os próximos capítulos, tanto Leandra, quanto Caetana devem citar os truques que Desirée usou para tapear os clientes do prostíbulo, até então.

Resta saber como Walcyr Carrasco explicará a consulta com a ginecologista e o auxílio das chefes do Love Chic. Ou se o passado de Desirée será, simplesmente, esquecido.

Confira as cenas clicando aqui e aqui.


Deixe sua opinião


Leia também